Campanha de Prevenção ao Câncer Colorretal

março 26, 2021 by Paulo Gomes0
cancer-colorretal-marco-azul-marinho-total-popular-1200x801.jpg

Ações de conscientização e prevenção ao câncer colorretal são representadas pela Campanha Março Azul Marinho, que busca reverter a grande mortalidade da doença em todo o mundo. Com o objetivo de unir forças ao movimento, o oncologista clínico Eduardo Saadi Neto participou da nossa entrevista e respondeu perguntas que ajudam a disseminar informações e a enfatizar que, com exames preventivos, detecção precoce e tratamento adequado, a cura é extremamente possível. Entenda melhor essa enfermidade, que se origina no intestino:

 

– O que é o câncer colorretal e como ele age no nosso organismo?

O Câncer Colorretal é um tumor maligno que nasce no Intestino Grosso. O Intestino Grosso é a porção final do Trato Digestivo, responsável por metabolizar e absorver nutrientes e água. Se não for detectado precocemente, o Câncer Colorretal pode se espalhar pelo corpo e comprometer, por exemplo, fígado e pulmão.

 

– Há formas de prevenção deste tipo de câncer? Se sim, quais?

Felizmente, o Câncer Colorretal pode ser prevenido. Existem diversas formas de prevenção, que vão desde a adoção de hábitos saudáveis (dieta rica em fibras, frutas e verduras, evitar tabagismo e ingesta de bebida alcoólica), até a realização periódica de Colonoscopia, a partir de 45 anos de idade (para homens e mulheres), para detecção e remoção de pólipos intestinais. Sabe-se que os pólipos intestinais, se não ressecados via colonoscopia, podem evoluir para Câncer Colorretal. Por isso, os pólipos intestinais são considerados lesões pré-malignas e devem ser ressecados por via colonoscópica.

 

– Como o câncer colorretal de manifesta? Quais os sintomas?

Quando alguém desenvolve Câncer Colorretal, pode apresentar anemia grave, devido sangramento crônico e carência de ferro, alteração do hábito intestinal (diarreia ou intestino preso) e quadros mais severos, como obstrução e perfuração intestinais. Anemia e alteração do hábito intestinal são os sintomas mais comuns.

 

– Há uma cura para este tipo de câncer?

Sim, felizmente. Se o Câncer Colorretal for detectado em estadios precoces, com doença localizada, ele pode ser curado com cirurgia e quimioterapia. Por isso, é importante que façamos o diagnóstico precoce, permitindo que os pacientes sejam tratados com celeridade e curados dessa doença. Para cura, é importante que Proctologistas e Oncologistas trabalhem juntos.

 

-Qual a importância do diagnóstico precoce e da campanha Março Azul Marinho?

O diagnóstico precoce é o único caminho para cura do Câncer Colorretal, que é o terceiro câncer que mais mata no mundo. Por isso, o Março Azul Marinho é extremamente importante como forma de conscientização de homens e mulheres sobre a necessidade da realização periódica de Colonoscopia, a partir de 45 anos de idade. A campanha Março Azul Marinho é tão importante quanto as campanhas Outubro Rosa e Novembro Azul e deve ser tão divulgada quanto as campanhas contra Câncer de Mama e Câncer de Próstata.


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *




(17) 3279 3809



LOCALIZAÇÃO

Rua Senador Virgílio Rodrigues Alves
430, Centro – Olímpia / SP


E-MAIL

adm@totalpopular.com.br


Aqui é BARATO de verdade!




Desenvolvido por Audiovisual Comunicação Integrada – 2018.